Procurando incrementar sua simulação? Uma seleção de Volantes e outros acessórios que podem te ajudar!

4.4
(7)

Ahh.. a sensação de estar em um veículo real no conforto de sua casa! Volantes, manoplas, painéis de botões e diversos outros. Uma lista de itens para incrementar sua simulação!

Todo entusiasta por simuladores, seja de quais tipo forem – corridas, aviação, veículos pesados, etc. – quase sempre começou da mesma forma: usando seu teclado e mouse, os de seu cotidiano, para ter seu momento de entretenimento.

Mas com o passar do tempo o que era brincadeira começa a se tornar algo mais sério. Entender a dinâmica dos simuladores cria a necessidade de investir em equipamentos que aumentem a imersão e levem cada vez mais a simulação a sério.

Você está neste ponto? Não sabe por onde começar? Vem com a gente neste artigo que vamos apresentar algumas ideias e opções boas para que você inicie sua jornada!


Itens Essenciais: Comece pelo Volante!

Vamos falar de acessórios para simulação de pesados (OMSI2/Proton Bus/ETS2), mas que também são super bem-vindos para outros simuladores mais complexos – como Beam.NG Drive – e também de corridas – como Assetto Corsa, Assetto Corsa Competizione e iRacing, por exemplo.

Sendo o item primordial para qualquer boa simulação de veículos… um bom volante!

Essencial para a imersão, a escolha de um bom volante é a fase inicial para qualquer simulador de veículos terrestres. Imagem de domínio público.

No mercado, os mais conhecidos são os modelos da Logitech: com a reputação de serem os melhores em relação a custo x benefício, trazendo recursos e sensibilidade adequadas, e tendo seus pontos de desgastes e eventuais defeitos largamente conhecidos (o que reduz eventuais despesas de manutenção), são a escolha mais recomendada para quem está iniciando esta aventura.

Modelos de menor custo costumam ter limitações de giro, sensibilidade ou controles. Já os de maior custo, apesar de eventualmente melhores nos recursos, exigem mais manutenção e a diferença nos valores é muito alta. Podem ser interessantes, mas dificilmente para quem está começando.

Na nossa recomendação, você pode buscar um Logitech usado das séries G27 (já tornando-se escasso) ou G29. Custo baixo e grande compatibilidade com os simuladores em geral.

Vale lembrar que o G29 (PC/PS3/PS4), assim como seu irmão G920 (PC/Xbox) e o sucessor de ambos G923 (PC/PS5/Xbox Series) encontram-se a venda, novos, na Loja Logitech G! Acesse clicando aqui e confira!

Para quem quer mais flexibilidade e recursos sem subir tanto o custo, após os modelos Logitech, há tambem os modelos da Thrustmaster que são conhecidos pela maior sensação de sensibilidade transmitida pelos simuladores e a disponibilidade de addons nativos da fabricante, confira aqui!

O Câmbio Manual não pode faltar!

No cotidiano das grandes cidades e países mundo afora, a grande maioria dos veículos utilizam câmbios automáticos, o que não é diferente com os veículos pesados como os ônibus e caminhões. Veículos com câmbio manual são mais comumente utilizados em situações muito específica ou por entusiastas.

Aqui no Brasil o cenário é diferente: o câmbio automático, apesar de hoje encontrado com facilidade, ainda convive com uma grande quantidade de veículos de câmbio manual. E quando falamos de ônibus e caminhões, principalmente em áreas urbanas, é mais comum encontrar veículos manuais do que automáticos.

Ônibus real de chassis modelo Mercedes-Benz OF-1726L Euro 6 2023 equipado com Transmissão Manual. Uma versão virtual dele exigirá que você possua uma alavanca de câmbio fisica no seu setup para ter a imersão ideal. Foto do Autor (Leo Monteiro)

Claro que é possível utilizar os Paddle Shifters (as “borboletas” do volante) já presentes nestes modelos para um uso de câmbio “Manual Sequencial” na grande maioria dos simuladores (inclusive nosso amigo Zane já publicou aqui um tutorial sobre no OMSI2, leia-o clicando aqui). Porém, para uma simulação realmente imersiva em um veículo manual você precisa de uma alavanca para câmbio manual no seu simulador – um Shifter.

Caso você tenha um volante Logitech G27, já possuirá o Shifter que o acompanha. Então problema teoricamente “resolvido”.

No caso dos mais recentes, como o G29, G920 e G923, a melhor opção é o Logitech Driving Shifter, totalmente Plug and Play com esses modelos.

Com o Shifter, você já poderá simular de forma precisa e correta todos os veículos de Transmissão Manual com até 6 Marchas + Ré. Aí você se pergunta: “Quero simular caminhões com caixa alta e caixa baixa. Como faço?”

Você pode utilizar uma configuração em seu teclado para alterar entre as caixas, ou adquirir um addon para o Shifter que substitua a manopla por uma com botão adicional para troca das caixas, ligado via USB ao computador. Veja links para ambas as sugestões abaixo (lembrando que existem outros addons que podem ser encontrados e até empresas especializadas em fabricação sob encomenda!):

Existem também outros Shifters personalizados, ligados diretamente ao computador já com todas as funcionalidades, mas que entram também em categorias superiores. 😉

Botões, botões e mais botões: Teclados e Button Boxes

Não é porque você embarcou na simulação com um Volante, Pedais e Shifter que abandonará o teclado e mouse em seu setup, correto?

Você ainda está em seu PC, onde utilizará o teclado e mouse para acessar os simuladores e navegar por suas funcionalidades, mas saiba que eles podem aliados na sua aventura de simulação.

Um bom teclado, principalmente bem posicionado junto com seu Volante, fará toda a diferença. Dependendo de sua mesa e/ou cockpit, talvez um teclado do tipo “one-hand”, um teclado customizado de macros ou mesmo uma button box com painel customizado com itens reais dos ônibus/caminhões/carros? Vai de seu orçamento e objetivo, mas tudo isso existe!

Por fim, não podemos esquecer da Ergonomia!

Ergono-o quê?“, você deve estar se perguntando.

Sim, a Ergonomia. O estudo da interação homem-máquina em um ambiente de trabalho. E por mais que o objetivo seja um entretenimento, para que possa realizá-lo com qualidade e sem prejuízos à sua saúde, a Ergonomia é importantíssima (afinal, estamos falando sobre simular atividades que no mundo real são trabalhos, repetitivos e prolongados… 😉 )

Busque uma cadeira ou assento de cockpit confortável para suas longas horas de jogatina, ajuste corretamente a distância entre seus olhos e o monitor, além de ajustar o FOV nos simuladores (o Campo de Visão… ele precisa sempre estar ajustado de forma que você veja, na tela, os objetos com a mesma proporção e na mesma distância de seus olhos que os veria na vida real).

O FOV sempre deverá ser recalculado de acordo com o tamanho do monitor e a distância em que você se posicionar dele. Um segundo guia bacana sobre FOV é o do MrPix. Está em inglês e cheio de termos nerds, mas vale a tradução e uma lida caso queira entender melhor o FOV clicando aqui.

Quem define a melhor combinação é… você!

O foco deste artigo foi apresentar a você opções para incrementar sua imersão no mundo da simulação. Existem outros aspectos anteriores que se referem a executar os simuladores em si: capacidade do seu hardware, a aquisição dos simuladores etc, os quais não mencionamos pois consideramos que você já esteja com o seu simulador escolhido e funcional.

Nossa ideia é trazer mais conteúdos como esses: artigos com dicas e recomendações, e também auxiliar com alguns dos simuladores em si, com foco no OMSI2. Compartilhe com seus amigos, grupos para que possamos escrever mais como esse para vocês! 😀

Comentários via Facebook

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 7

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Vamos melhorar este post!

Diga-nos, como podemos melhorar este post?

Deixe um comentário